Walber Luís Silva do Nascimento declarou que comparar a advogada Catharina de Souza Cruz Estrella a uma cadela seria uma ofensa ao animal

Metrópoles

Reprodução
Foto colorida do promotor de Justiça Walber Luís Silva do Nascimento - Metrópoles

Corregedoria Nacional do Ministério Público (CNMP) determinou o afastamento cautelar do promotor de Justiça Walber Luís Silva do Nascimento, do Ministério Público do Amazonas (MPAM), depois que ele comparou uma advogada a uma cadela.

O promotor declarou que comparar a advogada criminalista Catharina de Souza Cruz Estrella a uma cadela seria uma ofensa ao animal. Para o conselheiro Oswaldo D’Albuquerque, do CNMP, a fala é caracterizada como conduta misógina e possível infração disciplinar decorrente de descumprimento de dever funcional.

Além do afastamento do promotor do Tribunal do Júri do Estado do Amazonas, D’Albuquerque determinou que a Procuradoria-Geral de Justiça do MPAM proíba o promotor de participar de sessões plenárias, tornando sem efeito as que estejam em vigor.

Em 14 de setembro, a CNMP instaurou, de ofício, uma reclamação disciplinar contra o promotor Walber do Nascimento.

Relembre a fala do promotor:

 


Artigos do CFEMEA

Coloque seu email em nossa lista

Cfemea Perfil Parlamentar

Informe sobre o monitoramento do Congresso Nacional maio-junho 2023

Cfemea Perfil Parlamentar

Violência contra as mulheres em dados

Logomarca NPNM

Direitos Sexuais e Reprodutivos

logo ulf4

Estudo: Elas que Lutam

CLIQUE PARA BAIXAR

ELAS QUE LUTAM - As mulheres e a sustentação da vida na pandemia é um estudo inicial
sobre as ações de solidariedade e cuidado lideradas pelas mulheres durante esta longa pandemia.

legalizar aborto

Veja o que foi publicado no Portal do Cfemea por data

nosso voto2

...