ALMA PRETA
 
Confira uma lista com livros e vídeos que ajudam a compreender a relação de eventos climáticos com o termo que ganhou maior repercussão recentemente
Imagem mostra uma mulher negra caminhando com sacolas por uma rua inunadada no Rio de Janeiro

Foto: Mauro Pimentel/AFP

18 de janeiro de 2024 - AlmaPreta

 
 

O racismo ambiental é um termo que explica o fenômeno social que leva pessoas de grupos marginalizados a sofrerem mais com crises climáticas. Pessoas negras e periféricas, indígenas, quilombolas, pescadores e todas as 28 comunidades tradicionais são as populações mais afetadas.

As áreas ocupadas por essas comunidades frequentemente apresentam condições específicas, como falta de infraestrutura e políticas públicas no geral, que colaboram para maiores estragos em casos de chuvas, enchentes e deslizamentos.

Nos últimos dias, o tema ganhou repercussão nas redes sociais após a ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, chamar atenção para os eventos climáticos que atingem majoritariamente as pessoas negras e que vivem em periferias.

A Alma Preta Jornalismo selecionou cinco indicações de materiais para te ajudar a compreender mais a relação entre as catástrofes climáticas e o racismo ambiental:

1) Livro “Racismo Ambiental e Emergências Climáticas no Brasil”

O Livro apresenta as demandas geradas pela vulnerabilidade social e ambiental advindas da emergência climáticas. A obra realiza crítica ao movimento ambientalista que não aborda a racialidade e busca a responsabilização do Estado pela ausência em territórios vulnerabilizados.

A obra é organizada pela jornalista e ambientalista Mariana Belmont e nasceu de uma formação com o mesmo nome do livro, realizada pelo Intituto de Referência Negra Peregum, com a participação de militantes e intelectuais negros, junto à Coalizão Negra por Direitos e outras organizações negras.

Disponível aqui.

2) Livro “Direito e Racismo Ambiental na Diáspora Africana. Promoção da Justiça Ambiental Através do Direito”

O livro aprofunda o significado de racismo ambiental, a partir de um recorte temático da diáspora no período colonial.  A obra também apresenta o conceito de justiça social e contribui significantemente para o entendimento da relação entre as questões sociais e ambientais.

Disponível aqui.

3) Websérie “Racismo ambiental: Terras, Territórios, Tecnologias”

Em três episódios, a série online demonstra a realidade das pessoas negras afetadas pela falta de políticas públicas que lidem com as consequências de catástrofes climáticas em regiões periféricas.

4) Minidocumentário “Interfaces do Racismo: Racismo Ambiental”

O documentário da Defensoria Pública da União traz depoimentos de quilombolas e especialistas para aprofundar a questão do racismo ambiental na produção de energia renovável, que atinge o modo de vida e o bem-estar nos quilombos. 

5) Vídeo: “O que é racismo ambiental e qual é a relação com a crise do clima?”

Apresentado por Douglas Belchior, co-fundador da UneAfro Brasil, o vídeo do programa “O Tempo Virou” aborda de forma pedagógica os impactos das mudanças climáticas na cidade e no campo. O episódio convida a Amanda Costa, embaixadora da ONU no Brasil, para debater sobre mudanças climáticas e justiça racial e ambiental.

 
 

Artigos do CFEMEA

Coloque seu email em nossa lista

Cfemea Perfil Parlamentar

Informe sobre o monitoramento do Congresso Nacional maio-junho 2023

Cfemea Perfil Parlamentar

Violência contra as mulheres em dados

Logomarca NPNM

Direitos Sexuais e Reprodutivos

logo ulf4

Estudo: Elas que Lutam

CLIQUE PARA BAIXAR

ELAS QUE LUTAM - As mulheres e a sustentação da vida na pandemia é um estudo inicial
sobre as ações de solidariedade e cuidado lideradas pelas mulheres durante esta longa pandemia.

legalizar aborto

Veja o que foi publicado no Portal do Cfemea por data

nosso voto2

...