Esta edição de fevereiro de 2005 leva a você, leitor/a do Jornal Fêmea, um balanço das atividades realizadas pelo CFEMEA, dentro de suas principais áreas de atuação no ano de 2004. Destacamos aqui nossas ações nos temas: trabalho e seguridade social, violência, poder e política, orçamento, saúde e sexualidade.

Durante o ano, o CFEMEA continuou investindo em espaços e movimentos caros aos movimentos de mulheres, na defesa de uma sociedade democrática e justa e no combate a todas as discriminações, exclusões e desigualdades sociais. Entre eles, cabe destacar: Fórum Social Mundial, Fórum Social das Américas, Fórum Social Brasileiro, Fórum Social Nordestino, Observatório da Cidadania, Articulação Feminista Marcosur, Articulação de Mulheres Brasileiras, Rede Nacional Feminista de Saúde, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos, Fórum Brasil do Orçamento, Inter-redes, Abong, Agenda Pós-neoliberal, Diálogos Contra o Racismo, Fórum de Mulheres do DF.

Destaca-se na área de trabalho o envolvimento da Assessoria Parlamentar do Centro nas discussões sobre as Reformas Sindical e Trabalhista que ainda não aconteceram, mas em torno das quais diversos movimentos têm se organizado para reflexão. Um dos temas fortes, para 2005, nesta área será a aposentadoria das donas de casa e as questões que dizem respeito ao tempo social, sempre permeados pelas questões raciais que marcam as vidas de tantas mulheres.

Orçamento foi uma arena ainda mais desvendada pelo CFEMEA em 2004. Mais uma vez eleito para a Secretaria Executiva do Fórum Brasil do Orçamento, o Centro buscou não só a democratização das informações sobre o orçamento brasileiro, mas também analisar o orçamento mulher e mobilizar outras organizações da sociedade civil nestas lutas.

As eleições municipais em 2004 deram muito fôlego para as discussões públicas da participação das mulheres nos espaços de poder. O CFEMEA produziu análises, gerou e esteve presente em espaços de debate sobre a temática.

No Congresso Nacional, a única lei aprovada, que diz respeito diretamente às mulheres, é da área de violência. Nesta esfera destacamos em 2004 as lutas pelo combate à violência doméstica, em especial na busca de uma legislação que contemple de forma integral a questão.

Aborto e saúde da mulher estiveram em foco em 2004 e prometem ser temas quentes agora em 2005. O CFEMEA participou das discussões no Congresso e na sociedade civil bem como dos debates sobre antecipação terapêutica do parto nos casos de anencefalia fetal que chegaram até o poder judiciário federal.

Nas diferentes temáticas que o CFEMEA acompanha foi possível perceber o quanto o Centro cresceu em 2004 e ampliou sua atuação para além dos limites do Congresso Nacional. Seja no poder Executivo ou no Judiciário, o CFEMEA pôde acompanhar as discussões e atuar de forma articulada, levando em consideração os importantes papéis dos três poderes e da sociedade civil organizada nas lutas pelos direitos das mulheres.

   
Categoria
 
Alerta Feminista

Radar Feminista do Congresso

Notícias

Artigos e Textos

Djumbai

Diálogos e Mobilizações

Publicações
 
 
 
Artigos Recentes
 
 
 
 
CFEMEA
O Centro Feminista de Estudos e Assessoria é uma organização não-governamental, sem fins lucrativos.
 
AUTOCUIDADO E CUIDADO ENTRE ATIVISTAS
   
UNIVERSIDADE LIVRE FEMINISTA
   
   
LINHA DO TEMPO CFEMEA
 
 
+55 61 3224 1791
   
  FALE CONOSCO